Voltar

NEIDE GRAÇA

(Bibliotecária e Escritora)
 
"Acho que a literatura pode chegar de mansinho e ocupar espaços que nem sabíamos que existia. Nem sempre é um único livro que desperta a paixão. Eles chegam e vão acumulando episódios. E vão pontuando nossa vida, acho... Compartilho um livro-texto/episódio: são aparentemente antagônicos, mas foi encontro que marcou a minha vida. Os tempos eram de “tengo miedo”, denso, preocupante, tipo dark. Mas Cecília Meireles tem poder e trouxe “as pequenas felicidades certas” e se instalou a calmaria. Mas reconheço em ambos, belezas muito próprias. A literatura, tomando emprestadas as palavras do grande Rosa “...esquenta e esfria, aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta...” Só resta estar atento e usufruir..." 
 
 
clique na imagem para ampliar